sexta-feira, 18 de julho de 2014

[7191] - CABO VERDE - REGIONALIZAR...

 
O Centro Cultural Português do Mindelo foi palco do primeiro ato de lançamento do livro "Cabo Verde - Os Caminhos da Regionalização, que contou com uma assistência razoável e a venda de um bom número de livros.
A mesa de honra do acto contou com a coordenação de um dos co-autores do livro, Carlos Fortes Lopes, do apresentador, Jornalista Fernando Carrilho e de dois jovens Universitários, Andrea e Ailton...



Esses jovens, que estiveram presentes no acto, manifestaram as suas pretensões de participar activamente no processo de regionalização e desenvolvimento do país.
A plateia esteve colorida com a presença de alguns dos pioneiros deste processo de regionalização de Cabo Verde.
Já no próximo acto a ter lugar no Auditório da Universidade do Mindelo, no próximo dia 24, a partir das 19 horas, contamos ter uma casa cheia e a participação de muitos mais jovens estudantes e chefes de família.
Relembramos a todos que no dia 25, sexta-feira, será a vez da população da Ribeira Grande, Santo Antão, conhecer o conteúdo do livro e um pouco da sua história.

 
Inf.de José F. Lopes
 

8 comentários:

  1. O mundo muda, o pensamento do ser humano sobre a maneira de viver em sociedade altera-se. É o devir da Humanidade. Sempre assim tem acontecido, umas vezes para pior, outras para melhor. Eu, que não acredito na regionalização para Portugal (embora apoie a 100% as autonomias dos Açores e da Madeira), acho que esse é de facto o caminho para um Cabo Verde mais forte e de progresso. O caminho é difícil, mas com as ajudas destes mnis que deram o pontapé de saída e do resto da população das ilhas, decerto a barca regionalista chegará a bom termo. Um braça para todos e até ao dia de Lisboa, onde conto estar se não surgir algo que me impeça.

    Djack

    ResponderEliminar
  2. Pois é, amigo, a descontinuidade geográifca que aconselha a autonomia das nossas ilhas é um dos motivos primeiros a recomendar a regionalização das nove cabo-verdianas...Mas não só. claro!

    ResponderEliminar
  3. A coisa mexe com muitos; da oposição e mesmo da situação

    ResponderEliminar
  4. Era contra, era!...

    Quero adquirir um exemplar, como?

    Obrigado

    ResponderEliminar
  5. Era do contra... Era!

    Como posso adquirir um exemplar do livro?

    Obrigado

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. SEGUIRAM DOIS CONTACTO POSSIVEIS POR E.MAIL...
      Braça!

      Eliminar
  6. Esta foi a primeira apresentação em S.Vicente. Seguir-se-á outra em Agosto, que se espera venha a proporcionar o debate que desta vez não aconteceu.

    ResponderEliminar
  7. É PRECISO BANDARILHAR O TOURO PARA QUE ELE INVISTA A PRECEITO!

    ResponderEliminar