sexta-feira, 22 de maio de 2015

[8170] - UMA ESTÁTUA A NHÔ ROQUE...


Figura cimeira da cultura cabo-verdiana, António Aurélio Gonçalves - Nhô Roque, é carinhosamente venerado pela originalidade da sua obra, pela profundidade do seu saber e pelas suas qualidades humanas, de que se destacavam a simplicidade, a afabilidade e a generosidade.
Um grupo de ex-alunos de Nhô Roque acaba de constituír a Associação Monumento e Nhô Roque - AMNR - para erigir uma estátua em sua homenagem na Pracinha Nhô Roque, em S.Vicente, Cabo Verde,
e cujo projecto acima se reproduz.
É propósito da AMNR associar na realização do projecto todos quantos reconheçam a dimensão e o papel desse Mestre de sucessivas gerações de cabo-verdianos e não só!
Contamos com todos para juntos edificarmos uma Estátua a Nhô Roque.

                                                                            A Associação Monumento a Nhô Roque
C.P. 1157 - S.Vicente, CABO VERDE
Email - amnhoroque@gmail.com
Blog - http://amnhoroque.blogspot.com
Face Book - Estátua ao Sr. António Aurélio Gonçalves

...oooOooo...

BCN - Banco Cabo-Vderdiano de Negócios
Nº Conta - 57872181
NIB - 0004 0000 0578 7218 1015 9
IBAN - CV 64 0004 0000 0578 7218 1015 9

BCA - Banco Comercial do Atlântico
Nº Conta - 85048049
NIB - 0003 0000 8504 8049 1017 6
IBAN - CV 64 0003 0000 8504 8049 1017 6

CONTRIBUA!



10 comentários:

  1. FOI UM DOS MEUS GRANDES PROFESSORES NA ESCOLA TECNICA DO MINDELO! IREI CONTRIBUIR POIS TRATA-SE DE UMA FIGURA IMPAR NA SOCIEDADE CULTURAL E INTELECTUAL CABO-VERDIANA

    ResponderEliminar
  2. Mais logo, falarei deste monumento que à partida me agrada.

    Braça rocal,
    Djack

    ResponderEliminar
  3. Grão a grão a galinha enche o papo. $ a $, € a €, e até outras moedas servem para nosso antigo Mestre não ser esquecido na terra onde nascei, viveu e foi estupidamente ceifado.
    Oportunamente darei o meu contributo, mesmo modesto, para busto ou estàtua embora seja um pouco avesso às estàtuas que me fazem lembrar gente vaidosa e megalômana. Ceaucesco jà temos um e um busto, como o do seu grande amigo José Lopes, jà era muito bom. E Nhô Roque, que era a modestidade em pessoa, não discordaria.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isto de "colecta de moedas", faz-me lembrar uma que muitos leitores não conhecem.
      Foi colectando tostões mais tostões numa lista que o impagàvel Jom Bintim (meu tio)
      conseguiu amealhar "algum" para a compra do iate "Morabeza" que foi oferecido ao
      benemérito, Eng° Humano, José Baptista de Sousa que ficou para sempre na nossa
      memôria. Ê certo que, desse lado, foi pouco mas era consoante as possibilidades para
      que o Povo ficasse representado. E foi o que sabem. O que vale é dar algo depressa.
      Obrigado pelo que me toda.

      Eliminar
  4. Falando de estátuas sentadas que "falam" português…

    A estátua do cientista e docente da Universidade de Coimbra Félix Avelar Brotero (conc. 1886 - inaug.1887), de Soares dos Reis foi a primeira portuguesa de polémica esperada (já houvera um magnífico antecedente, da mesma autoria, o seu "Desterrado" mas essa não era estátua pública). Ninguém queria ver o sábio botânico sentado, mas o escultor impôs-se, argumentando que um general sim, ficaria bem de pé, mas que um catedrático… só sentado. E lá se fez a homenagem ao homem no Jardim Botânico de Coimbra. Outras há na história da arte portuguesa que marcaram o seu tempo: a de Salazar, para Santa Comba Dão (Leopoldo de Almeida, 1965), a de Fernando Pessoa no lisboeta Chiado (Lagoa Henriques, 1988), a mais amada de Lisboa pelos turistas, ou Fernando Lopes Graça no Mouchão de Tomar (? - 2006), acompanhado do seu amigo Nini Ferreira.No estrangeiro, e famosíssimas, temos a de Abraham Lincoln em Washington (Daniel Chester French, 1922) e a do poeta Carlos Drummond de Andrade no Rio de Janeiro (?, 2002), à qual passam a vida a roubar os óculos – estas, entre centenas (milhares?) de outras, mais ou menos interessantes.

    De onde, a ideia para o Mindelo não ser original. Mesmo assim, a avaliar pelo esboço divulgado, pode vir a tornar-se na mais interessante da ilha do Monte Cara podendo esta "classificação" ser potenciada pela possibilidade de albergar espaço para que os transeuntes possam posar a seu lado ou pelo menos repousar um pouco na sua companhia. Bons auspícios, portanto, e parabéns ao autor do esboço e aos que dinamizam esta ideia. Atitudes como esta que honram semelhante figura, também honram os que de algum modo nelas participam.

    Braça estatuária,
    Djack

    ResponderEliminar
  5. Uma feliz ideia de uma estátua para Nho Roque, sobretudo quando reflecte a personlidade tranquila e estudiosa do intelectual e respeitado professor de tantas gerações. Não tive a felicidade de ser seu aluno por ele já estar reformado mas considero-me um dos seus múltiplos disciplos

    ResponderEliminar
  6. Concordo com o Djack no que se refere à postura que o esboço propõe para o monumento a Nhô Roque...Ela corresponde, de forma muito correcta e verossimil, ao Homem Tranquilo que eu tive o privilégio de bem conhecer...Parabéns aos mentores!
    Zito

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tal como acontece com o José, não fui seu aluno - o que me dá bastante pena, pois isso seria mais uma medalha cabo-verdiana para mim. Mas não se pode ter tudo...

      Braça com nhô Balta,
      Djack

      Eliminar
  7. Não fui aluno de nhô Roque mas ele está aqui em casa razoavelmente representado. Fui agora confirmar o que dele tenho e dei com três obras:

    "Terra de Promissão". ed. do Banco de Cabo Verde, 1998 (edição de luxo, oferecida por uma amiga que trabalha no dito) e edição normal que comprei na Praia, em 2002
    "Noite de Vento", ed. Caminho, Lisboa, também de 1998

    Nada mau, heim?

    Braça róquica,
    Djack

    ResponderEliminar
  8. Vou aproveitar o blog do Zito, para informar os amigos do Dr Gonçalves.
    Todos os que aderirem à AMNR até 24 de Junho, segundo os nossos Estatutos, serão considerados "sócios fundadores".Para tanto devem depositar numa das contas indicadas uma joía de 1000$ e uma contribuição única e mínima de 2500$.
    Informo ainda que de três em três meses, ou sempre que se justifique, publicitarei no Blog "UM ESTÁTUA PA NHÔ ROQUE" ou na Página do FB " UMA ESTÁTUA AO DR ANTÓNIO AURÉLIO GONÇALVES" os extractos bancários. Obrigada e estamos todos juntos nesse projecto de todos nós.

    ResponderEliminar