segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

[8729] - O MELHOR DO MUNDO...

Manuel Sobrinho Simões, presidente do Instituto de Patologia e Imunologia Molecular da Universidade do Porto (Ipatimup) e professor da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, foi eleito pela revista britânica ‘The Patologist’ o melhor patologista do mundo durante o ano de 2015.


A votação decorreu durante dois meses e elegeu o médico portuense, que assim viu reconhecida novamente a sua qualidade a nível internacional.

Segundo a Universidade do Porto (UP), Sobrinho Simões destacou-se durante o presente ano pela “contribuição para a visibilidade da patologia na Europa”, além das contribuições que deu “para o diagnóstico clínico de cancro da tiróide e o facto de apoiar e formar jovens patologistas de todo o mundo”.

Manuel Sobrinho Simões licenciou-se em Medicina pela Faculdade de Medicina da UP em 1971. Em 1979 completou o doutoramento em Patologia com uma dissertação sobre o cancro da tiróide. Chefe de Serviço no Hospital de São João desde 1988, criou em 1989 o Ipatimup, um dos mais prestigiados centros de investigação e diagnóstico da Europa na área do cancro. (in Porto 24)

N.R. - Dei de caras com esta noticia por mero acaso, pois os media nacionais continuam a privilegiar as desgraças como convocadoras de audiências como, por exemplo, a vitoria do gang Le Pen nas eleições de França...
Creio que apenas um jornal, a um canto escondido da última página menciona o assunto, como se existisse uma espécie de vergonha atávica a inibir jornalistas da imprensa, da rádio e da televisão de darem visibilidade a assuntos de cariz positivo ou de que nos possamos orgulhar, como é o caso... 

1 comentário: