domingo, 13 de dezembro de 2015

[8751] - COMA BATATA DOCE...


A batata doce possui cinco vezes mais cálcio, o dobro de fibras e mais potássio que a batata "normal". Mas há mais! Conheça os outros benefícios que ela oferece:

1. Garante resistência
É rica em vitamina C. Por isso, protege o seu sistema imunológico. E mais: o tubérculo também ajuda a acelerar a cicatrização de feridas e melhora a aparência da sua pele.

2. Deixa os ossos mais fortes
Em 100g de batata-doce, há 33 mg de cálcio. Além disso, contém boas doses de vitamina D, um nutriente que participa da manutenção dos músculos e da saúde dos ossos e do coração.

3. Dá energia
O seu consumo é recomendado principalmente no pré-treino. A batata doce fornece energia aos poucos ao organismo, garantindo combustível do início ao fim do exercício. A libertação lenta de açúcar no sangue também ajuda a manter os níveis de glicogénio, o combustível dos músculos.

4. Diminui o stress
Por ser uma boa fonte de magnésio, a batata doce pode ajudá-lo a relaxar e, consequentemente, diminuir o stress.

5. Aumenta as defesas
Estudos realizados com o tubérculo revelam que ele possui propriedades anti-bacterianas e anti-fúngicas, substâncias óptimas para proteger o organismo.

5 comentários:

  1. A minha mulher tem razão em gostar de batata doce mais do que eu. Imaginem, eu que na meninice comia mais batata doce que a "inglesa". Mas tenho uma explicação. É que com a "bidjiça" comecei a segregar o que é doce, sabe-se lá porquê. Ainda por cima, não tenho problemas com os níveis de glicémia, que são sempre baixos.

    ResponderEliminar
  2. Venham a este blogue ao menos para se deliciarem com o clarinete do Luís Morais. Sinto esta música adejar pelos bairros do Mindelo, sacudida pelas rabanadas de vento, diluir-se nas esquinas das ruas, para logo a seguir recompor-se na sua inteireza e entrar nos lares, onde pobre, remediado ou rico a recebe de coração em festa. Não consigo imaginar música de boas festas mais conseguida, mais mexida e mais terna. Dir-se-á que é um produto único dos trópicos, onde, numa pequena ilha, se operou a simbiose mágica entre a herança cultural europeia e um imaginário indefinível. E assim se entra na universalidade...

    ResponderEliminar
  3. Se o Amigo Adriaano

    Tem PIC-UP tenho todo o gosto de lhe oferecer o disco original " Boas " Festas" execução da Voz de Cabo Verde. (Morabeza Records).
    ---

    Sucrinha, Pirinha das Ilha, Rebuçado Mancarra, Doce de Papaia ... câ tem esse storia de "segregaçon" ... segregaçon é troca por Pasteis de Nata, Tibias, Sonhos; e Bolo Rei...

    Segragaçon é trocá aquele "piru" de Valvemar por pexe!

    ResponderEliminar
  4. Obrigado, amigo Artur. Não tenho pic-up e por acaso tenho uma porrada de discos de música magnífica, principalmente clássica do melhor. Mas não se preocupe porque tenho mais de um exemplar desta música em DVD.
    Quanto ao resto, nós, cabo-verdianos, apreciamos tudo e de tudo um pouco: pastel de nata e pastel de midje, bacalhau assado e moreia frita, peru assado e molho de capado, enfim, "tud enquant", como se diz nas nossas ilhas.

    ResponderEliminar
  5. Mnis,
    Batata doce como sempre embora custe os olhos da cara. Aqui é vendido como preciosidade, quase como o gemgibre. Também fazem o mesmo com a mandioca e oinhame. Um exagero !!!
    Quanto ao disco do AMendes tenho (como muitos outros) mas "amigo amigo disco antigo à parte". Tenho também um gira-discos que pode, inclusive, lêr os de 78 rpm. Disco de diazà na munde que arranjei para ler mùsicas que consegui salvar nas duas debandadas.

    ResponderEliminar