segunda-feira, 23 de junho de 2014

[7064] - CRÓNICA EVENTUAL...


Ter o pássaro na mão e deixá.lo fugir é algo que uma equipa com um mínimo de classe não deixa que aconteça...Ontem, Portugal marcou um golo feliz aos 5 minutos e ficámos com a sensação de que, logo a seguir, a maior parte dos nossos jogadores nacionais passou a actuar de muletas e braço ao peito e dois deles até tiveram que recolher à enfermaria o que levanta a suspeita de haver grossa bruxaria contra a nossa selecção que já atirou para o estaleiro dez elementos com mazelas musculares desde o inicio da campanha...
A perder por 1-2, a nossa selecção passou a beneficiar do recuo dos USA, a quem o empate serve às  mil maravilhas e, mais uma vez, lá veio o São Varela salvar a honra do convento, ficando no ar a interrogação de porquê a sua não inclusão na formação inicial...Simultâneamente, mais uma vez se provou que o Éder é um completo desastre de finalização e não só, tendo perdido a maior parte dos lances em que interveio e que poderiam ter levado a outras consequências se interpretados por um jogador melhor dotado...
Agora, dependemos de uma série de milagres quando, afinal, seja qual for o resultado do jogo com o Gana, aos USA basta empatar com a Alemanha para que sigam, ambas em frente...Tudo está nas mãos do profissionalismo dos dois treinadores germânicos, que já fizeram equipa da direcção da selecção da Alemanha!

4 comentários:

  1. Como se diz em francês 'Les carottes
    sont cuites' a cozinha alemã vai confeccionar uma salcinhas Bockwurst para os hot dogs do almoço americano. E será 'tant pis pour les Portugais'. Tinha-se que jogar bem do princípio ao fim e sobretudo evitar a goleada alemã

    ResponderEliminar
  2. Confirma-se a geração PAC:
    Sem Pernas
    Sem Alma
    Sem Classe

    Paulo

    ResponderEliminar
  3. Sem qualquer hipótese para Portugal. Começo até a pensar que terá sido apurado para esta Final sem o justificar plausivelmente.
    O Paulo Azevedo sintetiza o que falta a esta selecção. Tudo preso por arames. A incapacidade física revelada tem de ser objecto de um inquérito competente. Assim como outros aspectos organizativos.
    Quanto a mim, o William Carvalho é neste momento dos muito poucos actuais jogadores com lugar seguro numa selecção renovada. Não entendi por que não foi utilizado desde o princípio, assim como no jogo com a Alemanha. Temo que em termos de selecção tenhamos que fazer uma travessia no deserto.

    ResponderEliminar
  4. Actuação triste da pior Selecção que jà vi. Havia um Rei (coroado)e dez duques.
    O prestigioso jornal francês "L'Equipe" que classifica os jogadores de 0 a 10, deu ao Eder a nota 2 que significa "esteve là". Assim não vamos a lado nenhum. Nem para o Caizim que desapareceu

    ResponderEliminar