quarta-feira, 9 de julho de 2014

[7141] - ~FICÇÃO OU REALIDADE?!

 
                              THE OLD BLACK BLOCK
 - Filho, eu descobri essas coisas no seu armário…
- Qual é o problema de ter uma máscara do anônimos e um taco de beisebol?
- Você usa isso?
- Não… quer dizer, às vezes…
- É que que estou precisando. Será que você me empresta?
- Precisando? Pra quê?
- É que eu li as coisas que você andou escrevendo na internet…
- Você andou lendo o meu face?
- Qual é o problema? Não é público?
- É…mas…
- Pois é, eu li o que você escreveu e …
- Pai, eu sei que você não gostou do que eu escrevi lá , mas… eu não vou discutir, são as minhas ideias. Eu  tenho 27 anos ,sou anarquista e…
- Não. Eu achei legal. Você me convenceu.
- Convenci? De quê?
- Tá tudo errado mesmo… Voce faz bem em nunca ter trabalhado ,  eu li o que você escreveu e concordo. Agora eu sou anarquista também, que nem você…
- Você o quê? Pai… que história é essa? Voce tá maluco ?
- É, você fez a minha cabeça. tem que quebrar tudo mesmo! Agora eu sou Old Black Bloc!
- Pai, você não pode… você é diretor de uma empresa enorme e…
- Não sou mais não. Larguei o meu emprego. Mandei o meu chefe tomar no .... Mandei todo mundo lá tomar no .....
- Pai, você não pode largar o seu emprego. Você está há 30 anos lá… Isso é absurdo...
- Posso sim! Aliás tô juntando uma galera pra ir lá quebrar tudo.
- Quebrar tudo onde?
- No meu trabalho! Vamos quebrar tudo ! Abaixo a opressão! Abaixo tudo! Sou contra tudo !
- Você não pode fazer isso, pai…
- Posso sim! É só você me emprestar a máscara e o taco de beisebol. E aí, você vem comigo?
- Não… acho melhor não…
- É melhor você vir junto porque agora que eu larguei tudo, a gente vai ter sair deste apartamento…
- Sair daqui? E a gente vai morar aonde?
- Sei lá! Vamos acampar em frente a uma empresa capitalista qualquer e exigir o fim do capitalismo!
- Pai, você não pode fazer isso ! Não pode abandonar tudo !
- Tô indo!  Fui!
- Peraí, pai! Pai!  E minha mesada ? E o meu carro ? E onde eu vou morar? E as minhas férias em Floripa ? E minhas compras em Miami ? E meu computador ? E meu tablet ? E minha internet de fibra ótica?  Volta aqui! Volta aqui, pai!!! Voooltaaaaa!
 
Colab. de Valdemar Pereira

10 comentários:

  1. Esta é uma esplêndida lição em que a pedagogia criativa não precisou de muito para realizar o seu fim.
    Eu diria que os rapazes e raparigas de certas forças e movimentos esquerdistas estão a precisar de uma lição desta natureza: ameaçar tirar-lhes a espuma ilusória em que vivem os seus dias.
    No entanto, isto não significa que o mundo se tenha de conformar com a lógica e o modo de viver que certo capitalismo quer impor.

    ResponderEliminar
  2. Ó diabo, não consegui traduzir esta língua... O Ac'A tem de passar a prosa para português...

    Braça com olhos em bico, depois de tentar muitas tentativas,
    Djack

    ResponderEliminar
  3. Mas, ó Djack, o seu servidor não tem tradutor automático???

    ResponderEliminar
  4. Djack, temos de ter paciência com certas linguagens, rapaz. O Toi de Bia promete traduzir em crioulo de Soncent.

    ResponderEliminar
  5. Djack, não entendo por que tens de escolher a janela de anónimo em vez de pôr o nome. E já reparaste que nos livrámos daquele detector de robot? Isto agora está uma beleza.

    ResponderEliminar
  6. O problema é que quando vou com o meu nome, as mensagens não entram. No Pd'B também tive problemas e por isso, tive de alterar o aspecto das minhas mensagens. Aqui, no Ac'A, agora só assim consigo. Se for pela Conta Google, não fica nada.

    ResponderEliminar
  7. Mas não entro com o item "Conta do Google", como entrava antes. Agora, tenho duas possibilidades: como "anónimo" e tenho de assinar no corpo do texto para saberem quem é esse anónimo ou com o item "Nome/URL" e aí não só tenho de colocar o nome como o endereço do Pd'B. Chatices de blogueiros que não sabemos como resolver... mas que vamos resolvendo.

    Braça com esperteza,
    Djack

    ResponderEliminar
  8. O Djosa de nha Bia (o Tói é o avô) não consegue traduzir nada. Perdeu o pio com o 7-1 e agora só consegue articular: Pôxa! Pôxa! Pôxa! e nao sai dali...

    Braça intraduzível,
    Djack

    ResponderEliminar