terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

[7753] - EXPLOSÃO DE LUZ...

Foto de Filipe Conceição e Silva
Com vénia ao Blogue "Praia-de-Bote"

É extraordinária a luminosidade do Mindelo...A cidade cintila como altar de gigantesca catedral iluminada por uma miríade de círios rutilantes...Extasiante!

7 comentários:

  1. == Com a devid vénia ao blogue Valdas ==
    Cidade do Mindelo (S.Vicente) Capital Cultural

    Mais longe e mais tempo seu filho estiver ausente
    O Mindelo não esquece e apela para a sua gente.
    A cidade onde nascemos, que amamos com fervor,
    Como S.Vicente "aquele pais" por quem temos amor

    Ilha misteriosa, da morabeza, de tempos de menino
    Terra generosa que se deixa por desígnio do destino.
    E, se eu cumpri e te deixei, triste, para ir para o além
    Podes crer, meu Mindelo, ainda amo-te como ninguém

    V/

    ResponderEliminar
  2. O nosso Val presenteou-nos com um poema digno da beleza do nosso Mindelo. Essa luz incidente sobre a faixa costeira é como uma pincelada de ouro no cabelo castanho da cidade. Tudo parece silencioso e expectante. Os iates descansam sobre as águas mansas, talvez intrigados com tanta doçura oferecida, habituados que estão a satânicos bailados no alto mar.

    ResponderEliminar
  3. Nesta "centilitude":

    O Caeszin.sobrevive como farol guia de "lata d'outrohora"!

    ResponderEliminar
  4. Ah! Como gostei do poema, autêntico hino de louvor, que Valdemar fez à sua cidade! A fotografia irradiando luz, (foi sugestiva a legenda) mostra como a cidade do Mindelo continua bela e muito fotogénica. Não admira pois que tenha sido a mais cantada urbe destas ilhas.
    Abraços
    Ondina

    ResponderEliminar