quarta-feira, 25 de março de 2015

[7933] - À LAUTA MESA DO ORÇAMENTO...

Num país paupérrimo, Cabo-verde, todos em Concórdia, os partidos votaram hoje no parlamento, para terem mais regalias, houve apenas duas abstenções? Manobra de diversão ? O povo, sem trabalho, sem rumo! Considero os deputados deste país, inimigos do POVO!!!!! Há uma ditadura parlamentar e o povo umas bestas que nada dizem, mas ficam a lamentar! Quem fica silencioso com estes abusos, é conivente deste abuso de poder disfarçado de democracia!!! (in FaceBook)

Tchalé Figueira

5 comentários:

  1. Criticaram impiedosamente o Colonialismo e os servidores daquele tempo, denominados "catchorre de dôs pé". Pediram a independência para se ter uma vida melhor, equitativa. Qual quê? Agora que têm a faca e o queijo querem tudo, e ainda por cima abusam com constantes pedidos de benesses para os que ganham fortunas. O povo nem tem direito de escolher seus représentantes para substituir os vendidos.

    Eduardo Oliveira

    ResponderEliminar
  2. Segundo me consta (não tenho a certeza) as abstenções foram dos dois Deputados da UCID. Não confirmo mas não tenho razões para pensar o contrario.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. MEA CULPA, MEA CULPA, MEA CULPA !
      Confirma-se que os abstencionistas foram
      dois dos Deputados da partido da situação.
      Ficam aqui minhas desculpas e decepção.

      Eliminar
  3. O Parlamento Cabo-Verdiano transformou-se num Circo Máximo, á moda da África, aonde os cargos politicos são usados para proveito próprio...Perguntem ao José Eduardo dos Santos e Cia la das terras de Angola como é que se faz, e talvez assim receberão mais algumas aulas de como mamar e sugar á grande.O Povo na míngua e estes desgraçados a aprovarem por unanimidade mais regalias e beneces.Uma vergonha sem dúvida...Há dias assisti um deputado do MPD, um tal de Sr Abrão Vicente, histérico e nervosinho a bradar aos cêus acusando a JHA de corrupção...Nada de mais falso...Foi simplesmente uma manobra de diversão...Tanto os deputados do MPD assim como os do PAICV não têm a minima intensão de resolver os problemas de Cabo-Verde..Irão comprar votos nas camadas mais desfavorecidas desta sociedade desigual em que vivemos, vão mentir,vão prometer vão ladrar., vão mamar e sugar o quanto possível e depois passar á reforma com somas chorudas,e casas de férias na Baía, Calhau, Rui Vaz e Santa Maria e ainda, com estatuto de politico...Cabo Verde neccessita de uma revolução...Uma revolução para repôr os valores que perdeu antes de escangalhar-se completamente...A corrupção e o Nepostismo que reinam na casa parlamentar é gritante...Alguns politicos como o Filú, ex-presidente da Câmara Municipal da Praia e o Jacinto Santos, ex-deputado e também ex-presidente da Câmara Municipal da Praia amontoaram fortunas que ninguém sabe como...Alias o Filú é sobejamente conhecido no meio Praiense como um apreciador nato de ovos e friginote de tartaruga e borracho frito e anda pelas tascas clandestinas espalhadas na periferia da capital em busca destas iguarias exóticas... uma attitude nojenta e repulsiva de um politico que se diz defender os intereses da nação...Existem deputados no Parlamento Cabo-Verdiano que serviram de advogados de defesa dos bandidos narco-traficantes que foram apanhados durante a operação Lancha-Voadora, nomeadamente Eurico Monteiro e outros,e que já defenderam ainda clientes extrangeiros presos em Cabo-Verde por tráfico de drogas...A primeira dama de Cabo-Verde faz parte de uma firma de advogados que disponibilizou os seus serviços para a defesa destes mesmos gatunos...Enfim, minha gente...Que casta de coisa é esta???Alguém, por favor , para explicar-me????

    ResponderEliminar
  4. Cabo Verde tinha tudo para servir de exemplo mas decidiu copiar o que de mau se passa no Continente africano. Como os lideres dos que tomaram antes a independência, maldisseram os colonizadores que mandavam verbas e, com elas, quem ganhasse o dinheiro e voltasse à terra. Agora a sucede a pior hipocrisia de receberam os subsídios e os guardarem oficialmente contando historias abomináveis para adormecer os coitados.
    E ninguém ousa defender o elementar direito, ninguém se levanta para reclamar contra insanidades ou pôr cobro a tamanho escândalo. E, quando a caixa estiver vazia, vão dar voltas pedindo mais e mais para a super capital mal apetrechada e insegura.
    Há que gritar cada vez mais forte para a Causa Nacional até nos tomarem a sério. Reclamar é um direito de cidadania, é uma obrigação de todo e qualquer sensato.

    Ema Rodrigues

    ResponderEliminar