segunda-feira, 25 de maio de 2015

[8183] - ACREDITE QUEM QUIZER...

Brasileiros são "bacanos" a inventar coisas...Será que alguém entra nesta?

Ela coloca uma rodela de cebola no pé e vai para a cama. O motivo?
Eu nunca mais dormirei de outro jeito!

Este truque parece ser bom demais para ser verdade. Pois dessa maneira seu corpo é limpo de forma 100% natural, sem que você tenha que fazer qualquer esforço. Tudo acontece enquanto você dorme. O segredo está nos nossos pés. E em um vegetal que tem fabulosas propriedades.
A medicina asiática sabe há centenas de anos de como os pés são importantes para o corpo humano. Eles dividem o corpo em várias zonas, nas quais os pés estão conectados com outros importantes órgãos. Esse conhecimento está presente também na tradicional acupuntura chinesa, que considera o estímulo de alguns pontos nos pés podem curar dores em outras partes do corpo, inclusive resistentes a tratamentos ocidentais tradicionais, como mágica.
Aqui, o primeiro passo é cortar uma rodela de cebola.


É bastante recomendável usar uma cebola orgânica, já que você não quer infestar seus pés descalços com pesticidas. A rodela deve ser plana, chata e não muito grossa, para que não fique muito desconfortável.
Então coloque a rodela de cebola na sola do pé e vista a meia por cima, de modo que ela não escorregue.


Enquanto você dorme, o pé puxará os saudáveis vapores de cebola, estimulando todas as regiões com as quais o pé está conectado.


As vantagens…
1. Purifica o sangue. Uma vez que a cebola tem ácido fosfórico, o sangue de todo o corpo vai sendo purificado conforme passa pelo pé.
2. Mata germes e bactérias que estão no sangue que passa pelos pés.
3. Apesar de ser difícil de acreditar nisso, uma vez que a cebola crua tem um cheiro bem forte e, para muitos desagradável, seus pés ficarão com um odor melhor. Todas as substâncias ruins - e que provocam o chulé - são puxadas do pé pela cebola.

Esta dica vale não apenas para os que se preocupam em levar uma vida supersaudável, mas para todos aqueles que querem simplesmente fazer algo de bom pelo próprio corpo. Também em casos de doença é um ótimo e descomplicado aliado que ajuda o sistema imunológico a se fortalecer.
Compartilhe este método simples e bacana de fazer algo bom por si mesmo e de superar enfermidades com mais rapidez...

(Colab. de Jorge Morbey)




11 comentários:

  1. Sim, é de facto verdade, eu já experimentei essa dica tal como a outra da moeda: coloca-se uma moeda de um euro em vez da rodela de cebola junto ao pé (tem de ser o direito) que de igual modo se enfia numa meia (de preferência da marca Calzedonia e em algodão do Egipto). Faz-se isso durante um mês. Depois, quando a pessoa em questão se desloca à Caixa Geral de Depósitos, tem lá garantidamente 30 milhões de euros que antes não existiam na sua conta. Como é que vocês acham que eu comprei metade de São Vicente, incluindo o Monte Cara? É óbvio que para não pensarem nas Finanças que é lavagem de dinheiro, a pessoa tem de tirar fotografias durante os tais 30 dias que têm de ser autenticadas pelo administrador do condomínio.
    Não falha. Experimentem e saiam da miséria, meus caros.

    Braça generosa de quem não quer São Vicente (nem a fortuna) só para si,
    Djack

    ResponderEliminar
  2. Esqueci-me de dizer que há outras duas coisas que resultam sempre, por este processo.

    Um fósforo por 24 horas (devem ser exactas, nem mais nem menos um minuto) dentro da meia faz com que no dia seguinte a pessoa tenha na escada pronta a entrar para casa uma mobília de quarto e outra de sala de jantar estilo Queen Anne, em mogno;

    Um simples papel no mesmo local, mesmo que em branco (neste caso, por 48 horas; se escrito, bastam 24) permitirá a aparição no escritório da pessoa em causa de uma colecção completa da Enciclopédia Britânica, de uma primeira edição dos Lusíadas e da obra completa de Eça de Queirós.

    Nunca falha! É absolutamente garantido!

    Braça livresca,
    Djack

    ResponderEliminar
  3. Mas estas coisas, por serem de facto verdadeiras, são igualmente perigosas.

    Um amigo meu de Ribeira Bote, colocou uma ferradura dentro da meia e no dia seguinte andavam no corredor da casa dele 8 cavalos de raça portuguesa a galope que acabaram por sair pela porta da cozinha, partindo frigorífico, máquinas de lavar roupa e loiça e a baixela toda.

    Outro meu amigo, este com casa na Baía das Gatas, meteu na meia um bife e no dia seguinte tinha na praia, mesmo em frente de casa, uma manada de 35 touros de raça que só dali saíram com a intervenção dos Bombeiros Voluntários de São Vicente e do Corpo de Fuzileiros de Cabo Verde.

    Na realidade, há que ter imenso cuidado com estas coisas.

    Braça alarmista,
    Djack

    ResponderEliminar
  4. Quanto aos pontos existentes nos pés, usados em podoreflexologia, do in, acupuntura, os estudei e garanto. Quanto a cebola não tenho conhecimento mas tendo em vista a pressão exercida no local pode ter alguma validade. Agora é escolher se vale o cheiro!!!

    ResponderEliminar
  5. Acabo de ver no site "A Verdade Oceânica" que se se meter dentro da meia um bocado de madeira, outro de alumínio.mais um de lona e outro de corda que daí a 43 dias a pessoa tem à porta de casa um iate de 36 metros, três mastros e motor auxiliar de 50 cavalos.

    Nunca imaginei que também dava para isto.

    Braça marítima,
    Djack

    ResponderEliminar
  6. Ó diabo, por esta eu não esperava!!! Li agora na internet que um sujeito morador no Monte Sossego meteu uma rodela de cebola na meia e que no dia seguinte tinha na cozinha em cima do fogão um bacalhau com batatas e grão de bico, já temperado com salsa e azeite, faltando apenas a cebola por ele aproveitada da que usou no pé. Isto sim, é mesmo milagre!!!

    Braça culinário-cebolal,
    Djack

    ResponderEliminar
  7. .

    Exercicio de medecina ilegal.

    Ema Rodrigues

    ResponderEliminar
  8. Não me canso de admirar a capacidade do Djack para desmontar estas coisas de índole duvidosa...Mau grado, não posso deixar de reconhecer que, por vezes, acontecem coisas inesperadas originadas quando e de onde menos se esperaria...Refiro que tenho, por outro lado, referências de fonte segura e fidedigna, acerca de resultados de sucessos em matéria de acupuntura..
    Braça para-científico
    Zito

    ResponderEliminar
  9. Ah! O humor inesgotável (felizmente) do Djack para brincar e desmontar este achado curativo alternativo! fartei-me de rir.

    Esta da cebola desconhecia. Só para quem durma só! Se não, incomoda o parceiro do lado. A não ser que experimentem os dois.

    Mas não deixa de ser interessante. Nada como verificar se resulta ou não...

    Abraços
    Ondina

    ResponderEliminar
  10. Meus caros, tudo que eu contei é rigorosamente verdade, apesar de ser uma rotunda mentira. No que toca à acupuntura, já é do foro comum que cura muita coisa, disso não há dúvida. A experiência o diz - que não a minha, que nunca utilizei taç medicina, mas apenas porque não calhou.

    Braça com agulhas espetadas por todo o lado,
    Djack

    ResponderEliminar