quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

[8943] - HARAKIRI LINGUÍSTICO...


OFICIALIZAÇÃO DO ALUPEC...

O governo quer mais celeridade na oficialização do crioulo defendeu a directora nacional da Educação, Margarida Santos que falava a imprensa  sobre as recomendações saídas do atelier de reflexão sobre a educação bilingue em Cabo Verde, que decorreu durante dois dias, na Cidade da Praia. Avançou que  já existem condições para se avançar com a oficialização, pois no que respeita a material didáctico, o cenário é de “digitalização dos materiais” que sirva em contextos diferentes.

Sobre o atelier considera que“Ficaram recomendações no sentido de continuarmos, pois, estamos a fazer um trabalho que dá pistas e que servem para tomada de decisões do colectivo governamental, já que a principal questão é a oficialização e padronização da língua materna”.

Ainda segundo a directora nacional da Educação, as contribuições deixadas permitiram não só reflexões em termos pedagógicos, como também sobre as melhores metodologias e estratégias para o processo de ensino e aprendizagem as duas línguas.

Fonte: Inforpress

Sem comentários:

Enviar um comentário