sábado, 27 de fevereiro de 2016

[8952] - MARINHAGEM DE ÁGUA DOCE...

Notável foto que o Valdemar nos enviou hoje, certamente colhida no decorrer de uma das recepções que eram habituais nas escalas da chamada Barca Sagres... Neste conjunto de cerca de 50 pessoas há muita gente conhecida, como o Tuta Melo, a Bia Cohen, o patrão-mor do Porto, António Ribeiro e a esposa D. Maria dos Anjos e, por aí fora... Fica o desafio para os nossos visitantes identificarem o maior numero possível destes convivas expostos ao sol mindelense no zénite de um dia decerto memorável dos anos 60 (?)...

10 comentários:

  1. Tonte gente cunchide !!!
    Sô cito alguns: Raul Ribeiro, Astrid Dadal, Dra. Maria Francisca (acima do Tuta), Telmo (telegrafista), os dois irmãos Pinheiro, Comendador Joaquim Nonato Ramos, a encantadora Mme. Alerton (a contar graças ao) Dr. Jùlio Monteiro (estes dois de côcoras à direita).
    Venham mais...

    ResponderEliminar
  2. Tudo certo, menos os anos 60. Jamais!!! Basta olhar para as fatiotas, para os penteados e para os sapatinhos (de duas cores) do sujeito em primeiro plano. Lamento não dar ajuda na identificação mas não conheço ninguém na foto.

    Braça às escuras,
    Djack

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Houve um lapso. Não afirmo a data e não reparei na menção "60". Em todo o caso foi muito antes do ano de 1950.
      Deve ser por volta de 1948 quando o Dr. Julinho era o Administrador do Conselho.

      Eliminar
    2. Assim, já está melhor!...

      Braça cronológica,
      Djack

      Eliminar
  3. Peço desculpas...Eu queria escrever "anos 50"!!!

    ResponderEliminar
  4. Tenho para mim que é nos anos cinquenta. Val, o Dr. Monteiro foi administrador em grande parte da década de cinquenta. Só reconheci nhô Quim Ramos e o Dr. Monteiro.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ah s'm' sabia !!!
      Fui ao livro "O teatro é uma paixão..." (pg.285) à procura de uma referência onde podia situar, aproximadamente.
      Preparava alguns nùmeros extras para uma "reprise" no Eden Park em honra do Governador Alves Roçadas que visitava S.Vicente pela primeira vez. Havia um sketch que não agradou à Censura e o Dr. Julim mandou chamar-me para um raspanete porque "tendo feito o que fiz, tinha condições de fazer melhor". E o espectàculo foi no dia 30/Set/1949. Logo deduzo que a foto foi feita numa data compreendida a partir 1948 até 50's.

      Eliminar

  5. I.-

    Podem chamar-me de saudosista. Respondo depende. Ê que nunca esqueço factos marcantes e figuras que nos quiseram bem. Isso vem a propósito da Mme. Alerton, inglesa que aportou um dia no Mindelo em companhia do marido que a foi buscar no Reino Unido.
    Sr. Alerton já tinha estado na nôs terra desde jovem como funcionário da Companhia Nacional. Outros colegas vinham e iam e ele... foi buscar esposa. Cedo aprendeu o crioulo e era frequentador das "fnhengas de periferia" e ficou de pedra e cal. Comiam a cachupa e a cavala e pediam à criada que falasse em crioulo com a filha deles.
    Quando sai em 1954, a Senhora encontrava-se na WTC como enfermeira mas, mais precisamente, intendente.
    O marido viria ser Cônsul Honorário de Sua Majestade Britânia em S.Vicente.


    II. -

    Contou-me a Belinha Marques, filha do inesquecível Djosa de Nhô César (Eden Park) que estando em Londres com colegas a conversar no meio da rua, ouvem uma pessoa que les interpela "Mnis bocês ê d'Soncente? Mi ê Mrs. Alerton. M' vivê tcheu tempe là".
    Que sensação isto vos dá?

    _______________________________

    "Sô viste. Contode ca tem graça"

    ResponderEliminar


  6. Comments Facebook
    Maria Rebelo
    Maria Rebelo A 7ª a contar da esquerda parece-me ser a D. Astrid(Dadal). Não é Ana Paula Ribeiro Freire?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não é parece, é a bela Astrid que foi assinalada. Tem a seu lado esquerdo um dos manos Pinheiro (Casa de Penhoras na Rua do Hospital), pai da Dra. Odette Pinheiro que nos deliciou com 4 crônicas no ASemana-on-line.

      Eliminar