quarta-feira, 5 de outubro de 2016

[9574] - MALANDRICE...


O QUE É QUE O ADRIANO FOI FAZER A N.YORK
SEM NOS DIZER NADA?!

10 comentários:

  1. Qual Nova Iorque, qual nada!!! Isto toda a gente sabe que é o Mindelo!!! O Adriano teve de lá ir de repente, para ver que afinal os seus artigos sobre a capital de São Vicente ser uma grande favela estavam errados. Foi convidado pelas "forças mortas" para ver in loco que a cidade do Porto Grande agora está assim, cheia de arranha-céus, cais de luxo e que finalmente o centro histórico foi arrasado para dar lugar a uma cidade de alto gabarito. No sítio do paloce temos agora o "Centro Decisório da Cidade", no do velho Liceu Gil Eanes um Luna Park e no do plurim o "Drugstore New Mindel". A rua de Lisboa foi reconvertida em Sunset Boulevard e finalmente estão prontas as pontes que ligam Saint Vincent (novo nome da ilha) a Saint Nicholas e Saint Anthony.

    O Adriano escreveu-me a dizer que não reconhece nada da cidade mas que a acha um must. A renovação foi até à Baía das Gatas onde se acabou o miserável festival que agora deu lugar ao Woodstock II.

    Bem, eu já sabia disto há que tempos mas não queria dizer nada. Quem desejar saber mais, que apanhe o Space Shuttle Caizim e vá ver com ambos os dois olhos que tem na cara acima do nariz oq ue as "forças mortas" fizeram da pérola de Cabo Verde.

    Braça new fashion
    Djack

    ResponderEliminar
  2. O Djack està enganado !!!
    O Adriano foi até NY porque recebeu um convite para Conselheiro Especial do Secretàrio_Geral Guterres para a Africa Insular.
    Sabem o que sucedeu? Não acreditam mas é verdade. O nosso amigo não aceitou o convite porque prefere viver em Tomar. Fico triste. SoCente é que perde.
    Bem, paciência !!!

    ResponderEliminar
  3. Bem, isto só pode ser obra de prestidigitação do Djosa de nha Bia em conluio com o pirracento do Djack de Cuptania. Eu não queria falar, queria manter segredo, mas os malandros puseram a boca no trombone. Eu estive lá, sim senhor, em 2008 com a mulher e a neta, e precisamente com o objectivo de copiar todos os projectos de arquitectura arquivados e surripiar uma enorme maquia ao Goldman Sacks. E para quê? Pois, para fazer esta transformação no nosso Mindelo que está mesmo à vossa frente. Para isso, tive de levar o Djosa de nha Bia para conseguir o apoio das mafias locais. O gajo até que trabalhou bem, mas só que no último dia, atrevido como ele é, resolver fazer olhinhos à mulher de um mafioso e apanhou uma tareia de criar bicho. Tive de pedir ajuda às embaixadas cabo-verdiana e portuguesa para conseguir levar o gajo até ao aeroporto e metê-lo no avião. A minha mulher é que me zurziu o dia inteiro a censurar-me por causa das más companhias.
    E não me digam que não valeu a pena. Cadê aquele Soncent todo desordenod e estragod nas periferias?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ná, ná, ná!!! O Djack não meteu para aqui nem prego nem estopa. Isto é trabalho do Zito que só convive com o bas-fonds de Queluz. E tem ligações a patos-bravos com interesses na "Mindelo Camartelo Enterprise" e na "Ptá-Boxe-Tude-Mindel", empresas que depois construíram aquilo que se vê atrás do Adri. O único edifício que sobreviveu foi um que está à direita do antigo palóce (cláusula que o Zito exigiu), onde agora está o "Centro Decisório da Cidade", com 197 andares.

      Braça farto de acharem que sou eu que faço tudo,
      Djack

      Eliminar
  4. ADriano mudou-se de armas e bagagens para o Wall Street? O Zito que colocou este post deve saber qualquer coisa das aventuras do nosso amigo. Es fjon tem tucin

    ResponderEliminar
  5. Só posso dizer que nem o Djack nem o Djosa têm algo a ver com isto...Esta foto foi retirada de uma revista do FBI que um agente CIA deixou esquecida no escritório da NCIS e foi surripiada por um capitão reformado do RI7 que reconheceu o Adriano e a trouxe para Lisboa escondida no fundo da mala longe da vista dos tipos do SEF... Chegou-me às mãos através de um sargento da GNR que é instrutor de cães-policia e há tempos ensinou uns truques de circo ao cachorro da minha prima que me confidenciou que constava que se trata de um truque fotográfico a ver se apanham um fulano do DAESH que é a cara chapada do Adriano...É tudo quanto sei sobre o assunto!
    Braça escondido
    Zito

    ResponderEliminar
  6. Zito, admito que o tipo da DAESH seja algo parecido comigo, mas o problema é que ele anda com uma enorme barba desgrenhada, pelo que a sua detecção vai ser um bico d'obra.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O tipo rapou a cara, para disfarçar e até aprendeu a falar crioulo só que optou por um alupek tão radical que nem o P.M. de C.V. o entendeu quando ele foi ao plateau pedir asilo politico!
      Enfim, um sarilho dos diabos!
      Braça embaraçado
      Zito

      Eliminar
  7. O diabo, Zito, é que, para despistar, o gajo fez uma série de réplicas de borracha da minha cara que pôs à venda nas lojas de chinês. Agora ando à rasca e sempre a fixar bem os transeuntes, não vá por aí aparecer algum agente da CIA.

    ResponderEliminar
  8. Isso é um perigo dos diabos pois são capazes de, em vez de procurar o verdadeiro, desatarem a disparar sobre todos quantos tenham a sua cara, incluindo o original...Se fosse a si deixava crescer o bigode e usava um capachinho...Vale mais prevenir!
    Braça cauteloso
    Zito

    ResponderEliminar