sexta-feira, 1 de junho de 2018

[10065] - O DIA DO JOSÉZITO

Pai,

Neste que será sempre o teu Blog, não poderíamos deixar passar em claro, tamanha efeméride. O nosso amigo TÓZÉ, enviou-nos um "belo desabafo", que com a devida vénia, tomo a liberdade de partilhar com outros amigos... Ergamos então os nossos gins e brindemos!!!


Olá Grande Chefe,



Espero que estejas bem (nunca te tratei por “tu", mas como nos conhecemos há 40 anos, dou-me agora a essa liberdade!  ), porque nós ansiamos o teu regresso desta viagem que, convenhamos,  já se alongou demasiado!...

Mas já que resolveste ficar desse lado, cabe-nos aceitar… Falo no plural, porque a Rosário sente o mesmo. Olha, ela está a mandar-te um beijo e um braça, daqueles que só tu sabes dar e receber. Está ali sentada a beber um gin tónico. Como sabes, ela diz que foste tu quem a ensinou a gostar desse mix.

Sabes, em 2016 eu também quis fazer a viagem, mas o teu filho não deixou… Agora estaríamos os dois a degustar um qualquer “são brás", sem correrias, preocupações, desilusões, tristezas, perdas… Enfim… felizes!

Feliz estarias tu se o nosso Sporting não se tivesse tornado num “monte escatológico" de “gente” que derivou da normalidade para caminhos ínvios, desnorteados por carácteres oprobriosos…

Natural, isso sim, é o facto de ausente estares e seres presente. No tempo, que agora é todo teu, estás no nosso. Nos diversos brindes, nos gestos que ensinas, na gargalhada que se ouve e nos abraça; nos locais onde não vais, mas onde te evoco e Lhe peço para que continues bem…

No nosso presente, continuas a ser um presente que temos, daquele tipo que não cabe sob  a copa de qualquer árvore de Natal. Estás presente a cada gesto e passado … só se for o tornedó…

Estive muito tempo ausente no que concerne a esta exteriorização de sentimentos e tenho alguma dificuldade em ver a Maiúca. 

Contudo, tu sabes que falo muitas vezes contigo, não é verdade?!... 

Sem mails, facebook, whatsapp, esta carta vai selada com a vontade de te rever.

Porque não apareces para fazer um bacalhau à Zé do pipo?

Não esperes pelo dia em que for ter contigo … aparece… Serás sempre bem-vindo!



Até já!



TZ

7 comentários:

  1. Nunca te esquecerei...
    Alinho no Gin e no bacalhau.

    ResponderEliminar
  2. Posso gabar-me de que no dia 11 de Julho de 2016 bebi um gin-tonic com o Zito na esplanada da Suíça do Rossio. Éramos mais convivas (tudo gente de Cabo Verde e de grande categoria), em preparação de almoçarada no Palácio da Independência, mas nenhum outro se habilitou à deliciosa libação. O Zito ainda despachou um segundo, mas eu fiquei-me pelo primeiro e único. E posso garantir que o acto foi "profissional", pois ele me passou algumas instruções úteis, relativas ao assunto.

    Já antes da moda eu bebia gin-tonic e continuarei a bebê-lo, quando ela passar. Mas o gin desse dia ficou-me na memória e quando por ali passo, o Zito vem-me sempre à ideia.

    Um braça para o nosso amigo,
    Djack

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Djack, sendo o dia do meu aniversário, julgo que o segundo, era mesmo à minha saúde ;)
      Braça

      Eliminar
  3. É sempre uma honra ser aqui evocado, neste que é ainda o covil de um "leão" de sabedoria. Por mais tempo que esteja "deste lado" nunca conseguirei guindar-me ao seu estatuto. Resta-me o exemplo que ele me dá quotidianamente.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amigo, és sempre bem vindo à mesa do AC
      Braça

      Eliminar
  4. Lindas palavras, texto com sentimento e bonitos comentários.
    Obrigada

    ResponderEliminar