quarta-feira, 23 de julho de 2014

[7215] - A VERGONHA!!!...

DO BLOGUE
"DITADURA DO CONSENSO"


PROTESTO! PROTESTO! PROTESTO!
 Os cidadãos da CPLP foram traídos, ontem, em Díli, pela entrada à socapa da Guiné-Equatorial e da ditadura de Teodoro Obiang na nossa comunidade "de Países de Língua Portuguesa". Sinto-me traído pelos oito países, mas mais pelo meu - a Guiné-Bissau.
Uma moratória por si só, não invalida a pena de morte, adia-a; a língua portuguesa não é nem nunca será falada (o francês, que é a segunda língua oficial, não é falado sequer por 5 por cento da população). Obiang continua a roubar o seu povo, a torturar, a matar...
OS CHEFES DE ESTADO E DE GOVERNO DA CPLP TRAÍRAM OS POVOS DOS SEUS PAÍSES! TENHAM VERGONHA!!!
Por PROTESTO, o blog não será actualizado até que a cimeira acabe e, com alguma sorte, talvez o avião presidencial de Obiang se despenhe algures num oceano qualquer!!! É o meu desejo! António Aly Silva.
Publicada por António Aly Silva às 11:20  

12 comentários:

  1. ÚLTIMA HORA... HORA DA VERGONHA!!!!

    " O Governo da Guiné Equatorial anunciou a sua adesão à Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) no seu "sítio" oficial na Internet, tendo as versões em e s p a n h o l, i n g l ê s e f r a n c ê s , NÂO EM PORTUGUÊS!!!
    DNoticias

    ResponderEliminar
  2. Antes de me pronunciar, começo por felicitar o Zito por estas belíssimas mornas que a sua doce e melodiosa voz aqui nos coloca como fundo musical. Excelente iniciativa, que não sei se é para manter, mas oxalá seja. O visitante do blogue agradece porque só tem a ganhar.
    Quanto à questão da Guiné-Equatorial na CPLP, evito uma opinião dura e precipitada, e assim seguro as rédeas do meu cavalo, refreando-lhe o ânimo. Ainda mais depois de ler hoje respeitáveis opiniões publicadas na imprensa, que são todas condenatórias, sem margem para qualquer recurso.
    Mas a linda voz do dono do blogue adoça-me o coração e onde poderia nascer um violento vitupério surge uma plataforma de perguntas várias.
    A primeira é a de saber se os actuais responsáveis de Angola têm a consciência limpa e inteiramente receptiva aos valores e princípios que a CPLP se propõe. Sim, digo “se propõe”, porque uma coisa é a intenção e outra é a prática. Ainda ontem, li que uma filha de Eduardo dos Santos é a primeira bilionária de África enquanto há instituições sociais do seu país a estender a mão à caridade internacional. Quem a cita também não esquece os generais e figurões da política angolana que se locupletaram com as riquezas do país. E dizer que eles foram “marxistas-leninistas”!... Bem, se virmos bem as coisas, a única diferença entre eles e os guinéus-equatoriais está na língua e nos usos e costumes. E os “militares” facínoras da Guiné- Bissau, em que é que eles também diferem dos outros guinéus mais a sul senão na língua, por sinal mal falada?
    A outra pergunta é saber se a aceitação da Guiné-Equatorial servirá para trazer a sua elite política ao convívio com os princípios da democracia.
    A pergunta que se segue é saber quem serão os legítimos professores de democracia para os novos inquilinos. O que tem implícita a curiosidade de saber se todos os parceiros se vão empenhar nisso.
    A pergunta final é saber em que quadrante deste planeta se vê praticado o acervo de valores que se quer impingir a esses novos inquilinos. Onde é que o primado dos negócios, sob a égide do actual ultraliberalismo, está a respeitar completamente os princípios que são caros à democracia?
    E por aqui me fico, na esperança de que, estando o mal já consumado, possa o Obiang aprender depressa o português e, mais importante ainda, restituir ao seu povo a liberdade e aquilo que lhe pertence.
    Que a CPLP nos conceda ao menos o direito de sonhar! Quanto a este belo fundo musical do ARROZCATUM, não é sonho, é mesmo realidade.

    ResponderEliminar
  3. Caro Arrozcatum

    "Tou com o amigo Adriano Lima: - Música sabe di mundo.

    Contudo, um fenómeno mais "esquisito" do que a adesão dos camaradas bilingues (excepto português).. está acontecendo no meu super portátil Acer, desligo o blogue, passo para a internet ( ou outro programa) e a música continua !
    Não é que isso me incomode, antes pelo contrário, só quero saber se trata dum fenómeno do Entroncamento ou da Guiné Equatorial.

    Gracias, Merci Tank You !

    ResponderEliminar
  4. Cá para mim, é maldição lançada do Céu por um grupinho de budzóde constituído pelo Bana, pelo Manuel de Novas, pelo Frank Cavaquim e pelo Ildo Lobo, invejosos da voz coimbrã-mornística do Zito: "Ai sim? Colocaste aí essa trinada voz do Choupal? Então, agora grama-a sem parar!"

    Braça com clarinete e violão, acompanhado de uns copitos de pitu,
    Djack

    ResponderEliminar
  5. Caro Anónimo

    Juro e trejuro pâ chaga de Cristo que é verdade das verdades o que disse... A música di funde tita continuà! Se é maldiçon ou praga un câ sabê!

    Help! Aider! Hifle!Ayder (CPLP - Moderno)

    ResponderEliminar
  6. Sabim d'munde !!!

    Acabo de descobrir este tesouro. So agora por impedimento momentâneo de som.
    Boa ideia de apresentar este Sinatra de DjaBrava (misturode, claro!!!)

    ResponderEliminar
  7. "Diga-me com quem andas... "
    E aqui temos o N'Guema com o Mugabe.
    Não podiam ter escolhido melhor foto. Sim, senhor.

    ResponderEliminar
  8. Apenas para agradecer as boas palavras sobre as musiquinhas...Quanto às queixas do "am" julgo que ele, em vez de encerrar a ligação ao blog trasfere para a barra inferior e, sendo assim, comntinua com acesso ao audio...

    ResponderEliminar
  9. Eu não tenho tido o problema (se é que é problema) de que se queixa o "am". Quando desligo o blogue a música cessa. Faço votos por que a música continue porque para mim é um regalo para o espírito, e com isso não estou a bajular o cantor e dono do blogue. Fosse outro o dono da voz, a minha opinião era a mesma, desde que ela, a voz, tivesse o mesmo timbre e qualidade. Além disso, as mornas aqui cantadas são as que me enchem a alma.

    ResponderEliminar
  10. Adriano, apenas uma palavra para confirmar que há neste conjunto de musiquinhas, acompanhadas pelo conjunto do Marino Silva, mornas de B.Léza, Jorge Pedro Barbosa e, claro, de Eugénio Tavares, para mim, o expoente máximo deste extraordinário estilo musical...Tatai, como os seus conterrâneos lhe chamam!

    ResponderEliminar
  11. Pois é, Zito, é deixar aqui estas mornas estampadas para sempre.

    ResponderEliminar
  12. COM O DIZIA A OUTRA...ATÉ QUE A VOZ ME DOA!

    ResponderEliminar