quarta-feira, 1 de outubro de 2014

[7481] - PRÃXIS...NO I.S.A. ...

Estas são fotos da minha neta Sílvia que,
nestas duas últimas semanas, tem andado a
submeter-se às brincadeiras da Praxe, no I.S.A.


Sem violência verbal, sem agressões físicas ou
psicológicas, sem palavrões, sem ofensas e
tudo intramuros, em família, com recato.


Claro, que houve, lá em casa, um acréscimo no
consumo de água, gel de banho e champô,
mas, mesmo assim, ficou mais barato
do que uma dúzia de consultas
com um psicólogo!
ESTA, É DAQUELAS PRAXES QUE SÓ
SUJAM POR FORA...


3 comentários:

  1. Assim, sim! Assim vale a pena! Uma praxe brincalhona, com espírito de humor e divertida, própria de jovens universitários. Nada que se assemelhe a preversões ou a actos de sadismo, a trazer memória trágicas ...
    Tem uma neta radiosa! É um rico avô, percebe-se...
    Abraços

    ResponderEliminar
  2. Até acho piada...
    Lembro-me ter sido "vitima" da praxe no Gil Eanes mas, desconhecendo esse costume, fiquei vexado e andei "a fazer queixume".
    Quando soube porque foi até me senti (até certo ponto) orgulhoso de ter sido o escolhido. O "carrasco" foi um moço que hoje não pertence ao nosso mundo e que aprendi a respeitar: - Carlos Caldeira Marques.
    Que repouse em Paz.

    ResponderEliminar
  3. Mesmo assim, penso que a praxe poderia ser mais imaginativa do que recorrer a estas borradelas e outras coisas piores. A praxe poderia consistir em pequenas e inofensivas partidas pregadas ao alunos. Que a bela Sílvia tenha um bom percurso universitário!

    ResponderEliminar