domingo, 23 de novembro de 2014

[7654] - O CRESPÚSCULO DOS DEUSES...


Detido há dois dias para interrogatório judicial, o ex-Primeiro Ministro José Sócrates poderá não vir a ser condenado por nenhuma das acusações que sobre si pendem mas jamais se libertará das dúvidas que, desde há muitos anos, se foram acumulando sobre a sua pessoa...
O facto de ter sido detido em pleno Aeroporto de Lisboa, empresta ao facto a sensação de que o role de culpas decorrente das investigações que duram há mais de um ano não apresentarão grande margem para dúvidas mas não podemos ignorar o princípio da jurisprudencia da presunção de inocência dos acusados até prova em contrário produzida em julgamento...
Simplesmente, tal como à mulher de César, não basta ser inocente, é necessário parecê-lo!

Sem comentários:

Enviar um comentário