terça-feira, 13 de janeiro de 2015

[7711] - REGRESSO...

Apenas umas linhas para dar conta do contentamento da família pelo regresso de Maiúca a casa...
Debeladas as causas do seu último internamento vamos, agora, prosseguir o processo de físio-terapia que lhe devolva a mobilidade afectada pela fractura do fémur e o seu pleno ingresso nas tarefas do dia-a-dia...
Uma vez mais aqui desejamos deixar expressa a nossa gratidão pelas muitas provas de carinho e palavras de incentivo com que os nossos amigos nos brindaram ao longo destas penosas semanas de dor e sofrimento...Que a saúde e a paz vos acompanhe a todos!

7 comentários:

  1. Olá Zito.

    Boa noticia agora pela manhã deixa-me até contente.
    ( eu sei quanto me foi desagradável os três meses que levou a cura da "pequena" fractura na mão direita, produto duma queda na calçada no passeio aqui ao lado.) Comparado com o caso de D. Maíuca isto é nada... mas dá para eu avaliar, óh se dá...

    Pois desejo que todo o pior tenha passado; em casa vai sentir-se bem no seu ambiente, e isso também irá ajudar.
    Boas, muitas, e rápidas melhoras, e um abraço a ambos casal Azevedo.
    Dilita

    ResponderEliminar
  2. Contente por saber que a D Maiuca está a recuperar bem depois da verdaeira Odisseia por que passaram. Abraço

    ResponderEliminar
  3. Simpática D. Maiúca: os meus desejos de bom regresso à casa. Também para lhe dizer (o que sabe melhor do que ninguém) que tem um "maridão" afectuoso e preocupado com a sua Cara-metade! Assim é que é!
    Abraços

    ResponderEliminar
  4. "Qui a santé, il a tout; qui n'a santé, il n' rien" (manuscrito do séc. XV)
    Portanto as melhores da Maiuca vão trazer tudo a ela e à sua Familia.
    Força !!!

    ResponderEliminar
  5. Felizmente, tudo aos poucos se vai recompondo, não é Zito? Regressar a casa é já em si um factor muito positivo para o bom moral da D. Maiúca. Concordo com a Ondina quanto às qualidades do maridão, o que não é de admirar porque isso é parte integrante da sua natureza humana. Há atributos que pertencem à integralidade do ser.

    ResponderEliminar
  6. Amigo,
    Feliz por Maíúca e feliz por vê-lo feliz em nova etapa de esperança!
    Com Carinho e calor da Bahia

    ResponderEliminar
  7. Muito grato a todos...Crendo que a onda de azares tenha já perdido o seu ímpeto tsunamico vamos, agora, retomar os trilhos da normalidade possivel e, creiam, as vossas palavras amigas muito os ajudaram a manter um mínimo de equilibrio no meio desta avalancha de sucessivos azares...Terão, sempre. um lugar muito especial nos nossos corações,,,
    Maiuca & Zito

    ResponderEliminar