sábado, 4 de abril de 2015

[7964] - ENQUANTO A NOITE CAI...

Foto remetida por José F. Lopes

ENQUANTO O DIA SE DESPEDE, MINDELO ILUMINA-SE E ANTEGOZA A PERSPECTIVA DE
MAIS UMA NOITE DE SONHO E FANTASIA...

4 comentários:

  1. Esta paisagem é linda e pertence ao domínio do onírico, pelo menos no imaginário daqueles que, como eu, a vêem do alto. De facto, é com a noite que se anestesiam as dores do dia no Mindelo. E as dores são reais e são mais do corpo do que da alma, porque esta é aquela parte do ser que se liberta à noite para se recompor para as agruras do dia seguinte. É a sina do Mindelo…

    ResponderEliminar
  2. Há muito que o não reafirmo aqui, mas esta música do Humbertona não cansa a quem a ouve. É como se se reciclasse continuamente, sem ter de mudar coisa alguma. Penso que qualquer cabo-verdiano a tem no ouvido e na alma quando, sonhadoramente, mergulha na noite desta paisagem.

    ResponderEliminar
  3. Olá :) por acaso vim ao seu blog que gosto e já fiz um comentário positivo noutra altura. Desta vez é para chamar a sua atenção para a utilização da foto que aqui está. A foto é de minha autoria e não me recordo de me ter sido pedida autorização. Por cortesia tal devia acontecer dado que que houve bastante trabalho envolvido para a produzir e, inclusivamente, agradecimento a quem me ajudou a produzir a foto. A dita pode ser vista em https://montesevales.net/2016/08/31/regressar-e-fotografar-sao-vicente-cabo-verde-2/ e tenho o respetivo "negativo", neste caso ficheio RAW. David Monteiro

    ResponderEliminar