terça-feira, 13 de outubro de 2015

[8543] - RUA DR.ANIBAL LOPES DA SILVA...

O descerramento da placa toponímica numa das artérias da cidade natal do Dr. Aníbal Lopes da Silva foi precedido de uma sessão solene no Salão Nobre dos Paços do Concelho, na cidade da Ponta do Sol, durante a qual o presidente da Assembleia Municipal da Ribeira Grande, Arlindo Fortes, evocou a figura do homenageado, bem como as suas qualidades como médico, humanista e “generoso benemérito” que chegou a doar ao município “significativa parte do seu património familiar”.

A proposta foi apresentada pela Câmara Municipal e a Assembleia aceitou-a imediatamente e mereceu aprovação por unanimidade no órgão deliberativo municipal.

Já o presidente da Câmara Orlando Delgado destacou a faceta visionária do Dr. Aníbal Lopes da Silva que, já em 1957, num artigo de jornal, previu vários aspectos do desenvolvimento da ilha de Santo Antão, tal qual está a verificar-se neste momento.

O filho do homenageado, João Manuel Lopes da Silva, falou em nome da família para agradecer a homenagem, quanto a ele, “mais que merecida”.

O Dr. Aníbal Lopes da Silva, médico e dentista, nasceu na Ponta do Sol, no dia 19 de Junho de 1915 e a passagem do centenário do seu nascimento coincidiu com as comemorações dos 40 anos de Cabo Verde independente pelo que esta homenagem foi integrada nessas comemorações.

HF/ZS

Inforpress/Fim

4 comentários:

  1. Santantonense de nascimento Dr. Aníbal, como era amavelmente conhecido, fez muito mais para S.Vicente do que na sua ilha natal, sobretudo numa altura em ele era o único cirurgião dentista com consultório.
    Idêntico gesto espera-se na ilha onde viveu a sua vida profissional inteira. Estou certo que todas as pessoas sensatas de Cabo Verde inteiro e da Diàspora aplaudem esete acto de justiça.
    Pululam na toponimia das nossas ilhas nomes que nada fizeram quando se necessitava e as autarquias continuam ignorando os seus filhos que por reconhecimento e/ou por saudade ficaram quando podia partir. Se se lembraram do Dr. Baltazar, do Dr. Antônio Aurélio (Nhô Roque) Gonçalves, é tempo de se lembrarem do clinico que podia ter exercido por outras paragens se pensasse em ganhar dinheiro.
    Por favor: Reconhecimento - Justiça

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mil desculpas pelos "engasgos" que não posso corrigir agora.
      Obrigado

      Eliminar
  2. Justa homenagem em SA e terá que ser feita também em SV ilha que deve muito ao Dr Aníbal

    ResponderEliminar
  3. Junto-me a todos os que assinalam a justiça desta homenagem. Penso que chegou o momento de repensar a razão de ser de uma série de nomes estrangeiros (a quem Cabo Verde nada deve, e de quem o nosso povo nem ouvira antes falar) que figuram na nossa toponímia. Tudo aconteceu quando havia efervescência revolucionária em certas mentes, subjugando a clarividência e a sensatez. Ora, está na hora de dar o seu a seu dono.

    ResponderEliminar